Com apenas duas Jornadas até ao final da fase regular da Moche LPGO, esperaríamos que a tabela classificativa já nos dissipasse algumas dúvidas em relação às equipas que se apresentariam na LGW. A questão é que até certo ponto isto é verdade: AlienTech e K1CK já qualificados e Team Cubo a precisarem somente de uma vitória, resta apenas um lugar disponível. Aqui as coisas tornam-se interessantes e de que maneira. Team Cubo com 8 pontos e a FTW, Defining Stars e Hexagone com 5. Melhor, nesta Jornada viríamos a ter o embate dos Defining Stars contra os Hexagone, que vinham de duas derrotas consecutivas, sendo a última contra os AlienTech.

Com os vetos a sair, reparamos que os Hexagone jogariam exactamente os mesmos mapas da última jornada. Do Inferno ficaram notas menos positivas a níveis colectivos – progrediam de forma quer ‘apartments’, quer ‘banana’, perdendo rondas em que detinham vantagem – porém foi no Cache a equipa quase roubava um ponto à equipa que tem dominado a liga. Caricato aperceber que os Defining Stars picaram o Cache, que não é o seu melhor mapa, e os Hexagone picaram Inferno, no qual demonstraram dificuldades. Que grande jogo nos esperava!

CT side era a primeira paragem dos Hexagone no Cache, e acabam por decidir jogar no retake para o Bombsite A, stackando no B. Já a equipa dos Defs, “atiram a moeda ao ar” e rusham um bombsite A deserto, mas, não conseguindo parar a investida de ‘RIZZ’ acabam mesmo por ter a bomba defusada, depois de uma triple de USP do homem dos Hexagone. Os Jogadores de verde conseguem ganhar as 4 primeiras ronda e foi ‘jo’ quem travou esta investida dos Hexagone, quando consegue ganhar o 1vs1 frente a ‘SORIZZ’, usando de forma inteligente uma smoke a cobrir a área que vai desde os ‘contentores’ e o ‘forklift’. Com 4-1 no marcador, o jogo evolui para um 5-3 a favor dos Hexagone, quando perdem, novamente, uma ronda no bombsite A. Com os Defs a começarem a ganhar algum ímpeto, com um ritmo diferente no seu mapa de eleição, levavam sempre vários homens nos inícios de rondas, obrigando os awpers dos Hexagone “standod” e “watsoN” a guardar as suas armas durante várias rondas consecutivas que se mostrou ser a melhor jogada possível, quando na round buy dos seus colegas a terem o “fire power” suficiente para ganhar mais uma ronda, nos 8-6, e consequentemente a última ronda a T, acabando a primeira parte com 8-7 favorável aos Defining Stars. Com os Defs a jogarem a CT, Porém, não se podia descartar os Hexagone da luta, que iam recuperando rondas atás de rondas, depois de um mau início a T, com rondas inteligentes, boas smokes e boa comunicação; um grande jogo que estaria num ponto fulcral com 11-11 no marcador, os Hexagone continuariam a mostrar um trabalho de excelência e a não dar descanso aos Defs, com ronda atrás de ronda atrás de ronda, levando o jogo até um 15-12, depois de um bom bait de ‘jo’, que a 1 de HP, a levar dois jogadores no map point. Porém, notava-se inquietude por parte das “estrelas” a defender os bombsites, tomando sempre demasiada iniciativa para o engage e para as picks, que iam perdendo quase sempre. O mapa fecharia com um 16-12 para os Hexagone, no mapa de escolha dos Defining Stars.

No melhor mapa dos Hexagone, estava nas mãos deles a possibilidade de quase garantir, desde já, a presença na LGW (apenas uma derrota oficial na LPGO). E jogando a terrorista, os Hexagone a transportarem para o Inferno as boas balas, especialmente de ‘stadodo’, ganhando a pistol round com facilidade. Foi sol de pouca dura, com os Defs a ganharem o force buy e a criarem apertos económicos para o lado dos Hexagone que continuariam com mais algumas rondas perdidas e os problemas individuais iam surgindo com 7-1 no marcador, com ‘gax’ a ter liberdade para jogar de awp, espalhando terror pelo Inferno… Porém demasiada confiança a fazê-los perder 3 rondas até ao intervalo num CT side quase clean, com o marcador nos 11-4 no intervalo. Seria importante para os Hexagone ganharem a pisto round e surpreendem depois de ‘stadodo’ comprar uma CZ75-auto. Continuando a defender com bons setup’s os bombsites, acontece um pause tático com 11-8 com os Defining Stars na mó de baixo. A equipa que jogava a T a precisar de rondas de forma urgente, ronda essa que só chega com um bom posicionamento de ‘jo’, que consegue uma kill no homem da banana que abre o bombsite B (12-10) mas perdendo a ronda a seguir, levam reset e perdem o force buy, cedendo o empate. Os Defining Stars com apenas uma ronda colocada a terrorista, a não terem ideias e a serem dizimados por ‘RIZZZ’ que ficam em desvantagem pela primeira vez nesta partida.

Os Hexagone a serem maduros pareciam que iam levar os 3 pontos… Mas quase por milagre os Defs ganham um force buy (mais por falta de posicionamento e de reacção por parte dos Hexagone) e travam a iniciativa CT ganhando também a ronda seguinte! Com 14-13 a favor dos Defs, conseguem fechar o mapa e empatar a série.

Com este empate, e com os restantes jogos concluídos, temos 4 equipas a lutar pela última vaga disponível para as Finais na capital do País! Não percam dois dias de emoções fortes para os fãs CSGO! Acompanha a emissão online na twitch da RTP Arena Segunda e Quarta-feira das 19:00 às 23:00 horas